opraela

Sunday, June 25, 2006

O HOMEM DO...GOLO!!!

Tuesday, June 20, 2006

"Quando você conseguir superar graves problemas de relacionamento, não se detenha na lembrança dos momentos difíceis, mas na alegria de haver atravessado mais esta prova em sua vida.
Quando escapar de um acidente grave não fique pensando no trauma que ele causou, mas no milagre que o ajudou a sair ileso.
Quando saíres de um longo tratamento de saúde não pense no sofrimento que foi necessário enfrentar, mas na bênção de Deus que permitiu a cura.
Leva na memória para o resto da vida as coisas boas que surgiram no meio das dificuldades.
Elas serão uma prova de sua capacidade em vencer as provas e lhe darão confiança na presença divina, que nos auxilia em qualquer situação, em qualquer tempo, diante de qualquer obstáculo".
Chico Xavier

Thursday, June 15, 2006

PEQUENA HISTÓRIA






Conta-se que certa vez um homem se aproximou de Deus e pediu para
que ele
lhe esclarecesse sobre uma coisa da criação que, segundo seu ponto
de vista,
não tinha nenhuma utilidade, nenhum sentido...

Deus o atendeu e perguntou qual era a falha que ele havia notado na
criação.

-Senhor Deus, disse o interessado, sua criação é muito bonita,
muito
funcional, cada coisa tem sua razão de ser...

Mas, embora me esforce para compreender sua finalidade, tem uma
coisa que me
parece não servir para nada.

-E que coisa é essa que não serve para nada? Perguntou Deus.

-É o horizonte, respondeu o homem.

Afinal, para que serve o horizonte?

Se eu caminho um passo na direção do horizonte, ele se afasta um
passo de
mim.

Se caminho dez passos, ele se afasta outros dez passos...

Se caminho quilômetros na direção do horizonte, ele se afasta
os
mesmos
quilômetros de mim...

Isso não faz sentido! O horizonte não serve para nada.

Deus olhou para seu ingênuo filho, sorriu e disse:

-Mas é justamente para isso que serve o horizonte... "para
fazê-lo
caminhar."

Tuesday, June 13, 2006

A PAZ QUE QUE HOJE TRAGO NO PEITO...







A paz que trago hoje em meu peito é diferente da paz que eu sonhei um dia...

Quando se é jovem ou imaturo, imagina-se que ter paz é poder fazer o que quer, repousar, ficar em silêncio e jamais enfrentar uma contradição ou uma decepção.

Todavia, o tempo vai nos mostrando que a paz é resultado do entendimento de algumas lições importantes que a vida nos oferece.

A paz está no dinamismo da vida, no trabalho, na esperança, na confiança, na fé...

Ter paz é ter a consciência tranqüila,
é ter certeza de que se fez o melhor ou, pelo menos, tentou...

Ter paz é assumir responsabilidades e cumprí-las, é ter serenidade nos momentos mais difíceis da vida.

Ter paz é ter ouvidos que ouvem, olhos que vêem e boca que diz palavras que constroem.

Ter paz é ter um coração que ama...

Ter paz é não querer que os outros se modifiquem para nos agradar, é respeitar as opiniões contrárias, é esquecer as ofensas.

Ter paz é aprender com os próprios erros,
é dizer não quando é não que se quer dizer...

Ter paz é ter coragem de chorar
ou de sorrir quando se tem vontade...

É ter forças para voltar atrás, pedir perdão,
refazer o caminho, agradecer...

Ter paz é admitir a própria imperfeição
e reconhecer os medos, as fraquezas, as carências...

A paz que hoje trago em meu peito é a tranqüilidade de aceitar os outros como são,
e a disposição para mudar as próprias imperfeições.

É a humildade para reconhecer que não sei tudo e aprender até com os insetos...

É admitir que nem sempre tenho razão e, mesmo que tenha, não brigar por ela.

A paz que hoje trago em meu peito
é a confiança NAQUELE que criou e governa o mundo...

A certeza da vida futura e a convicção
de que receberei,
das leis soberanas da vida, o que a ela tiver oferecido.

Às vezes, para manter a paz que hoje mora em meu peito, é preciso usar um poderoso aliado chamado silêncio.

Lembre-se de usar o silêncio:

Quando ouvir palavras infelizes;

Quando alguém está irritado;

Quando a maledicência lhe procura;

Quando a ofensa o golpeia;

Quando alguém se encoleriza;

Quando a crítica o fere;

Quando escuta uma calúnia;

Quando a ignorância o acusa;

Quando o orgulho o humilha;

Quando a vaidade o provoca.

O silêncio é a gentileza do perdão
que se cala e espera o tempo,
por isso é uma poderosa ferramenta
para construir e manter a paz.

(Desconheço a autoria)

Friday, June 09, 2006

TRANSFORMAÇÃO ESSENCIAL

Atingindo a Essência Interior

As mudanças nas nossas vidas precisam ocorrer de “dentro para fora”. Se quisermos mudar, não podemos ser obrigados, temos que atingir a nossa essência e realmente SER o que somos, e assim podemos chegar à nascente interior de onde jorrarão as águas da mudança efectiva em todas as áreas da nossa vida.
De nós mesmos e da nossa familia.

Thursday, June 08, 2006

A desilusão é passageira. A ilusão não.
(Saint-Pierre)

Todos nós corremos o risco de viver grandes desilusões. Algumas vezes achamos que não conseguiremos suportar tanta dor. Mas suportamos sim.Somos muito mais fortes do que pensamos e se tentarmos amenizar a dor que agora se abate sobre nós, veremos que o sol brilhará na nossa vida antes mesmo do que imaginamos. Algumas situações que enfrentamos na vida são como embarcações em que entramos e que estão destinadas a naufragar. Fujamos desse naufrágio! Nademos com braçadas fortes, porque uma praia de areias brancas e sol forte nos espera!


--------------------------------------------------------------------------------